Loading...
Galp

Ducati apresenta a nova Monster 2021 – Leve, compacta, essencial e divertida

Publicado por Standocasião há 1 mês

A série web da Ducati World Première chegou ao final com o seu 5º e último episódio, no qual o fabricante de Borgo Panigale revelou a nova Monster. Uma moto que marcou a história da Ducati como poucas. É o seu modelo mais vendido de sempre, com mais de 350.000 produzidas desde a sua apresentação.

A nova Monster representa toda a essência da Ducati na sua forma mais compacta e essencial possível. Podem desde logo adivinhá-lo pelo seu nome: Monster, nada mais.
A receita é a original de 1993: um motor desportivo, mas perfeito para a utilização em estrada, combinado com um quadro derivado das Superbike. E é tudo o que é preciso para a diversão, todos os dias.

A nova Monster baseia-se nos mesmos conceitos que a ligam à inesquecível Monster 900, a primeira e verdadeira naked desportiva, mas reinterpretada e atualizada. O resultado é uma moto com uma ciclística fácil e eficaz, capaz de estabelecer imediatamente perfeitas sensações com o condutor. A posição de condução é menos carregada sobre os pulsos e o motor oferece um excelente equilíbrio entre potência, binário e facilidade de utilização.

Para conceber a nova Monster, os engenheiros e designers começaram do zero, mas com uma clara ideia dos pontos-chave em torno dos quais a nova moto seria construída. Esguia e ágil, a moto incorpora as linhas-mestras do ADN de cada Monster, que a tornam imediatamente reconhecível: depósito de combustível esculpido como o “dorso de um bisonte”, a ótica redonda “integrada nos ombros”, traseira limpa e motor no centro do palco. A linguagem, no entanto, é nova e moderna. As formas evoluíram numa direção em que a simplicidade e a tecnologia são evidenciadas pelo design, tal como no perfil circular da ótica frontal em LED e nos indicadores de mudanças de direção “swiping”.

A nova Monster é desportiva e divertida.
A Monster é movida pelo motor bicilíndrico em L Testastretta 11º de 937 cc, com distribuição desmodrómica e homologação Euro 5. Em comparação com a anterior 821 aumenta em cilindrada, potência e binário, diminuindo no peso (-2,4 kg), o que contribui para a leveza geral da moto e o torna mais utilizável. Entrega agora 111 cv às 9.250 rpm, com um binário máximo de 9,5 Nm às 6.500 rpm, provando ser eficaz e reativo na resposta ao acelerador. Graças ao aumento de cilindrada, o binário melhorou em todos os regimes, particularmente na faixa média-baixa de rotações, mais utilizada na estrada e entre curvas. Esta garante prestações entusiasmantes bem como facilidade e prazer de condução, apoiada também pela nova caixa de velocidades e pelo Ducati Quick Shift Up / Down instalado de origem. A Monster está também disponível numa versão de 35 kW, adaptada aos detentores da carta A2.

A Monster é leve
Para assegurar a máxima diversão, foi prestada uma grande atenção à redução do peso na criação da nova Monster. Ciclística, elementos acessórios e superestruturas foram redesenhados desde o zero para criar uma moto compacta e leve, perfeita tanto para o dia a dia como para uma utilização desportiva.

O quadro em alumínio ‘Front Frame’ replica o mesmo conceito que encontramos na Panigale V4. É curto e está fixo diretamente às cabeças do motor. Com um peso de somente 3 kg, este quadro é 4,5 kg mais leve (menos 60%) que o elemento em treliça anterior, ajudando a reduzir o peso a seco da moto para apenas 166 kg.

Cada componente foi redesenhado e aligeirado: as jantes perdem 1,7 kg e o braço oscilante é 1,6 kg mais leve. O sub-quadro traseiro viu o peso ser reduzido em 1,9 kg, graças também à tecnologia GFRP (Glass Fibre Reinforced Polymer – Polímero Reforçado com Fibra de Vidro) com o qual foi elaborado, que permitiu a otimização das formas e superfícies, em benefício da leveza e de dimensões compactas. O ganho total de peso foi de 18 kg em comparação com a Monster 821.

A nova Monster é fácil, em qualquer situação.
A altura ao solo do assento da nova Monster é de 820 mm, o que, combinado com as zonas laterais estreitas da moto, permitem ao condutor colocar os pés no solo muito facilmente. Está disponível como acessório um assento que reduz a altura ao solo para 800 mm, mantendo igualmente uma boa espessura. E, para quem o pretender, pode ser adquirido um kit de molas para a suspensão, que rebaixa o veículo e reduz a altura do assento para os 775 mm do solo.

Para assegurar a máxima manobrabilidade a baixas velocidades e facilitar as manobras estacionárias, o raio de viragem foi aumentado para 36º (+7º em comparação com a 821). O guiador está mais perto do tronco do condutor em cerca de 7 cm para permitir uma posição de condução mais ereta, que garante um maior conforto e controlo. A posição dos pés também foi alterada, e as pernas ficam agora menos curvadas. Tudo isto se traduz numa maior facilidade de condução, mesmo no trânsito citadino.

A nova Monster é tecnológica
O equipamento e série inclui o ABS Cornering, Traction Control e Wheelie Control, todos ajustáveis para diferentes níveis de intervenção. O carácter desportivo da moto é também sublinhado pelo Launch Control, que assegura arranques-relâmpago. Este equipamento eletrónico permite expressar a performance da moto com toda a segurança.

A nova Monster está equipada com três Riding Modes (Sport, Urban e Touring) que permitem moldar o carácter da moto de acordo com os gostos e necessidades individuais. Tudo pode ser facilmente gerido através dos comutadores do guiador e do painel de instrumentos TFT a cores de 4,3’’, que conta com um grafismo desportivo a fazer eco do que equipa a Panigale V4, com um amplo conta-rotações que indica também a mudança engrenada.

A Monster sempre foi um símbolo de customização
Para permitir a cada ‘Monsterista’ tornar a sua moto ainda mais única, foram criados kits de autocolantes que colocam em evidência as formas da Monster e celebram o espírito desportivo da Ducati. Para aqueles que desejam acentuar o estilo da sua Monster de um modo ainda mais decisivo, estão também disponíveis kits de plásticos. Tal como em todas as motos Ducati, uma vasta gama de acessórios Ducati Performance está também disponível, como o duplo silenciador homologado Termignoni com terminais em fibra de carbono. Na secção dedicada do configurador em Ducati.com podem ser vistas todas as opções de customização.

Ducati Monster Plus - Ducati RED

A nova Monster está disponível nas cores Ducati Red ou Dark Stealth, com jantes negras, e em Aviator Grey com jantes GP Red. Para quem pretende uma moto com imagem ainda mais desportiva, existe a versão Plus, nas mesmas cores e com um defletor aerodinâmico e cobertura para o assento do passageiro, de série.

Toda a essência da Monster na sua forma mais leve, compacta e pura possível. A missão da Monster:

  • A diversão, graças aos 111 cv do motor Testastretta 11° e aos 166 kg de peso a seco
  • A naked desportiva destinada a todos aqueles que querem uma moto tecnológica e fácil de conduzir
  • A Monster estará disponível nos Vendedores Autorizados Ducati a partir de abril de 2021.

Galeria de Imagens

Anuncios Recentes

Ver Todos